Ode Marítima (Teatro)

Diogo Infante (texto) e João Gil (música) são os responsáveis pelo evento de abertura da 4ª Edição do Cultura em Expansão.


Em Ode Marítima, amanhece e um homem observando um porto marítimo assume o comando de um paquete que não chegou a entrar no cais. Parte deste cais, mimese imperfeita do cais absoluto, numa viagem feita dentro de si mesmo, perpetrando imaginariamente todos os comportamentos humanos e procurando "sentir tudo de todas as maneiras".


Nesta viagem imaginária em que símbolos e sensações se confundem sem o recurso da razão, este texto usa ainda o recurso do imaginário marítimo português sustentando nessa metáfora de fluxo e refluxo do movimento do mar a contradição violenta de um homem que tenta reconetar e unir diferentes sensações de identidade, transformando-se ele no cais e no destino, revelando a sua pluralidade de sentidos e tornando corpórea a viagem.


Data: Sábado, 25 de março
Hora: 21h30
Duração: 70 minutos
Local: Associação dos Moradores do Bairro Social da Pasteleira - Previdência/Torres (Rua Gomes Eanes de Azurara, 129)
Classificação Etária: M12
Iniciativa: Cultura em Expansão
Ciclo: Arena (Teatro)
Entrada: Gratuita

Mais informações sobre o programa completo aqui.