Bairro Monte da Bela recebe investimento superior a cinco milhões de euros
30-07-2018

Os moradores do Bairro Monte da Bela, em Campanhã, ficaram a conhecer ao pormenor a empreitada de reabilitação que irá restituir qualidade de vida ao complexo habitacional. A obra, cuja gestão está a cargo da empresa municipal Domus Social, foi iniciada a 16 de julho e representa um investimento da Câmara do Porto superior a 5 milhões de euros (5.297.375,87 euros).


O presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, acompanhado pelo vereador da Habitação e Coesão Social, Fernando Paulo, dirigiu no final da semana passada a sessão de apresentação aos inquilinos municipais, onde foi explicado que os trabalhos deverão estar terminados em junho de 2020.

A empreitada encontra-se dividida em três fases e irá abranger os sete blocos que constituem o aglomerado. Na primeira fase, já iniciada, serão reabilitados os edifícios 5, 6 e 7, que deverão estar prontos em maio de 2019. Seguem-se os blocos 1 e 3 - fase 2 - cuja conclusão dos trabalhos está prevista para novembro do mesmo ano. A terceira e última fase da empreitada irá contemplar os blocos 2 e 4 e tem como prazo final dos trabalhos junho de 2020.

A reabilitação propriamente dita engloba trabalhos ao nível de coberturas (aplicação de novo revestimento em chapas de alumínio e isolamento térmico); fachadas e empenas (tratamento das fachadas e empenas de tijolo à vista e remoção da pastilha para aplicação de acabamento a marmorite polido); vãos e caixilharias (substituição integral dos estores, das portas de entrada das habitações, das caixilharias existentes para caixilharias em alumínio com corte térmico); secadouros (Substituição das grelhas de betão pré-fabricadas das lavandarias por vão envidraçado com caixilharia de alumínio e espaço de secagem da roupa com painel em policarbonato translúcido).

Serão também intervencionadas as zonas comuns, com encerramento e tratamento da envolvente exterior e interior das caixas de escadas coletivas (aplicação de caixilharia ao nível dos patamares, reparação e/ou fornecimento de novos corrimãos, aplicação de revestimentos em pavimentos, tratamento de paredes e tetos e fecho da entrada).

As obras contemplam, ainda, a instalação e remodelação de equipamentos hidráulicos, de equipamentos mecânicos (pré-instalação da rede de gás em zonas comuns, sistemas de ventilação e exaustão de fumos e gases de combustão), de sistema solar térmico e de instalações elétricas e de telecomunicações.


Serão feitas também obras no interior do Centro de Integração Profissional para Surdos e na Associação Recreativa e Desportiva Bairro Monte da Bela.


Este conjunto habitacional foi construído em 1970, é composto por 7 blocos, num total de 236 fogos, onde residem cerca de 518 pessoas.